domingo, 31 de maio de 2009

Prova de fogo

Eu detesto domingo.

Porque a casa enche de gente. Porque é meu único dia de folga e mesmo querendo que ele dure mais do que 24h tudo que eu consigo fazer de produtivo é dormir. Porque mesmo fugindo, ecuto o Faustão ligado na casa da vizinha. Porque não passa mais Sai de Baixo, a Maisa não despreza mais o Silvio Santos e o Zeca Camargo com cara de bunda quer ser o garoto do Fantástico. Porque é quando penso em mil coisas pra fazer e não faço nada. Porque deixo toda minha tarde entregue a uma cama macia e grande e um seriado qualquer. Porque é quando me pego pensando: E cadê os domingos de sol? Os amigos ricos, as casas com piscinas? Cadê o cinema com o namorado? A fofoca no quarto da amiga sobre a festinha de ontem? E o pior de tudo é saber que o fim da noite representa o começo de uma segunda-feira prova de fogo.

Odeio, odeio, e sempre vou odiar domingo, já vi.
Sobretudo pela vontade de fazer tudo e qualquer coisa atropelada pela preguiça cruel e viciosa. E o desejo desgastante de comer um dogão com fanta uva quando tudo que se tem no bolso são dois reais pregados com durex.

2 comentários:

  1. Os domingos da minha vida também são inúteis assim, normalmente.
    Mas de vez em quando a gente se reune na casa de um Zé, assiste filme faz pipoca, cachorro quente, suco de abacaxi, joga imagem & ação e fala da vida alheia. ;]
    É bom.
    Mas é raro também.

    =*

    ResponderExcluir
  2. Nossa Luana, vc expressou o domingo de muita gente inclusive o meu. Amei teus posts bjos enormes, linda!

    ResponderExcluir